Frete Grátis - Veja as regras
39 lojas físicas desde 1958
Até 3X sem juros no cartão
Enviamos para todo o Brasil
Compra segura 100% protegida
Dicoxibe 200mg Com 30 Cápsulas
Dicoxibe 200mg Com 30 Cápsulas

Dicoxibe 200mg Com 30 Cápsulas

Código: 91321
Estoque: 16 unidades em estoque
De R$97,33
Por R$93,92
Venda proibida pela internet
Página meramente informativa sobre o produto
Venda somente nas lojas físicas com receituário adequado

Comprar Dicoxibe 200mg Com 30 Cápsulas com melhor preço e entrega em todo o Brasil. Conheça todas as apresentações de Dicoxibe

Frete Grátis
veja as regras
39 Lojas Físicas
desde 1958
Até 3X sem juros
a partir de R$100,00
PRATA
Loja Prata E-bit
eleita pelos consumidores

Para que serve Dicoxibe

Dicoxibe é indicado para o tratamento sintomático da osteoartrite (lesão crônica das articulações ou “juntas”) e artrite reumatoide (inflamação crônica das "juntas" causada por reações autoimunes (quando o sistema de defesa do corpo agride por engano a si próprio); alívio dos sintomas da espondilite anquilosante (doença inflamatória crônica que atinge as articulações da coluna, quadris e ombros); alívio da dor aguda, no pós-operatório de cirurgia ortopédica, ou odontológica e em doenças musculoesqueléticas (como entorse do tornozelo e dor no joelho e na coxa); alívio da dismenorreia primária (cólica menstrual) e alívio da lombalgia (dor nas costas).

Como o Dicoxibe funciona?

Dicoxibe é um agente analgésico (promove redução da dor) e anti-inflamatório (combate a inflamação que é a reação do sistema de defesa do nosso corpo a uma agressão, que se manifesta como dor, calor, vermelhidão no local) não esteroidal (não derivado de hormônios) da classe dos inibidores específicos da enzima ciclooxigenase 2 (COX-2, enzima responsável por desencadear a inflamação).

Além da inibição da COX-2 os anti-inflamatórios não esteroidais tradicionais inibem também a COX-1, o que pode aumentar os riscos de eventos adversos gastrintestinais (lesões, úlceras e sangramentos).

A dor aguda é reduzida cerca de 28 minutos após a tomada da dose de Dicoxibe , já a redução dos sintomas da osteoartrite e da artrite reumatoide é percebida em 1-2 semanas de uso da medicação.

Como Usar Dicoxibe

Dicoxibe deve ser engolido com ou sem alimentos.

Para o tratamento de dor aguda (pós operatório e doenças musculoesqueléticas) e dismenorreia primária:

400mg na primeira dose, seguidos de uma dose de 200mg por via oral (engolido) após 12 horas, seguido de 200mg a cada 12 horas nos dias seguintes durante o tempo indicado pelo seu médico.

Uso para o tratamento de dor crônica:

Todo anti-inflamatório deve ser usado na sua menor dose diária eficaz durante o menor período possível. O tempo adequado deverá ser decisão do seu médico.

As doses sugeridas para essas doenças são as seguintes:

Osteoartrite e Espondilite anquilosante:

200mg de Dicoxibe em dose única ou 100mg de celecoxibe duas vezes; 

Artrite reumatoide:

100mg de celecoxibe ou 200mg de Dicoxibe duas vezes ao dia;

Lombalgia:

200mg ou 400mg em dose única ou dividida em duas vezes de 100mg de celecoxibe ou 200mg de Dicoxibe.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar o Dicoxibe?

Caso você se esqueça de tomar Dicoxibe no horário estabelecido pelo seu médico, tome-o assim que lembrar.

Entretanto, se já estiver perto do horário de tomar a próxima dose, pule a dose esquecida e tome a próxima, continuando normalmente o esquema de doses recomendado pelo seu médico.

Neste caso, não tome o medicamento duas vezes para compensar doses esquecidas. O esquecimento da dose pode comprometer o resultado do tratamento.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

Contraindicação de Dicoxibe

Dicoxibe não deve ser usado por pacientes que:

  • Tenham tido crise de asma (doença pulmonar com crises de chiado), urticária (alergia de pele) ou reações alérgicas após uso de ácido acetilsalicílico ou outros antiinflamatórios; pois há risco de alergia com o uso de Dicoxibe;
  • Com doença hepática (do fígado) grave e/ou com insuficiência renal grave (redução importante do funcionamento dos rins);
  • Tenham dor relacionada à cirurgia de revascularização do miocárdio (cirurgia da ponte de veia safena ou de artéria mamária para desobstrução da coronária).

Precauções

O uso de AINEs (anti-inflamatórios não esteroidais), incluindo Dicoxibe, pode retardar ou inibir a ovulação, o que pode estar associado com a infertilidade reversível em algumas mulheres.

Se usado durante o segundo ou terceiro trimestre da gravidez, os AINEs podem causar disfunção renal fetal que pode resultar na redução do volume de líquido amniótico ou oligoidrâmnio em casos graves.

Tais efeitos podem ocorrer logo após o início do tratamento e são geralmente reversíveis. As mulheres grávidas utilizando Dicoxibe devem ser cuidadosamente monitoradas quanto ao volume de líquido amniótico.

Dicoxibe não deve ser usado por grávidas sem orientação e seguimento médico; especialmente durante o primeiro e segundo trimestres (até por volta do 6º mês).

O uso de Dicoxibe durante a gravidez requer que se pesem os potenciais benefícios para a mãe e riscos para a criança, o que só pode ser feito pelo médico ou dentista. Informe imediatamente o seu médico em caso de suspeita de gravidez ou se estiver amamentando.

Embora reduza o risco de desenvolvimento de complicações gastrintestinais associadas ao uso de antiinflamatórios, esse risco não está eliminado pelo uso de Dicoxibe; sendo maior em maiores de 65 anos, consumo de bebidas alcoólicas ou com história anterior de perfuração, úlcera ou sangramento gastrintestinal.

Dicoxibe deve ser usado com cautela em pacientes com:

  • Hipertensão (pressão alta), pois pode piorá-la; 
  • Com maior risco de lesões nos rins devido ao uso de anti-inflamatórios: portadores de insuficiência renal (redução grave da função dos rins), alterações da função do fígado em idosos;
  • Portadores das alterações das enzimas metabolizadoras CYP2C9. Comunique ao seu médico se você tiver qualquer uma dessas condições.

Dicoxibe deve ser descontinuado ao aparecimento de rash cutâneo (vermelhidão), lesões nas mucosas (olhos, nariz, boca) ou outros sinais de alergias.

Sempre avise ao seu médico todas as medicações que você toma quando ele for prescrever uma medicação nova.

Interação medicamentosa

O médico precisa avaliar se as medicações reagem entre si alterando a sua ação, ou da outra; isso se chama interação medicamentosa.

Dicoxibe pode interagir com:

  • Anticoagulantes (medicamentos que reduzem a coagulação sanguínea como a varfarina) aumentando o risco de sangramento;  
  • Anti-hipertensivos (medicações para a pressão alta) das classes dos inibidores da enzima conversora de angiotensina (ECA) e/ou antagonistas da angiotensina II, diuréticos e beta-bloqueadores podem ter seu efeito reduzido; em pacientes idosos, com desidratação (incluindo aqueles em tratamento com diuréticos) ou com função renal comprometida, a coadministração de anti-inflamatórios, incluindo os inibidores específicos da COX-2, com inibidores da ECA, pode resultar no comprometimento da função renal, incluindo possível insuficiência renal aguda (redução aguda grave da função dos rins);
  • Fluconazol (medicamento contra infecção por fungos) pode aumentar os níveis sanguíneos de Dicoxibe;
  • Lítio (medicamento usado para doenças mentais) pode ter seu nível sanguíneo aumentado;
  • Ciclosporinas medicamentos anti-inflamatórios podem aumentar o risco de toxicidade no rim associada à ciclosporina;
  • A administração concomitante de dextrometorfano (medicamento para tosse) ou metoprolol (medicamento para pressão alta) com Dicoxibe 200 mg duas vezes ao dia resultou em aumento de 2,6 vezes e 1,5 vezes das concentrações no sangue de dextrometorfano e metoprolol, respectivamente; 
  • Lisinopril (medicamento para pressão alta) administrado concomitante com Dicoxibe pode não controlar a pressão alta.

Composição

Cada cápsula de Dicoxibe 100mg contém:

Celecoxibe: 100mg.

Cada cápsula de Dicoxibe 200mg contém:

Celecoxibe: 200mg.

Excipientes: lactose monoidratada, povidona, estearato de magnésio, croscarmelose sódica, laurilsulfato de sódio.

Superdosagem

Dose única de até 1.200mg e múltiplas doses de até 1.200mg duas vezes ao dia foram administradas em indivíduos saudáveis sem efeito adverso clinicamente significante.

Nos casos suspeitos de overdose (altas doses), suporte médico apropriado deve ser providenciado.

Mais informações

Código do produto: 91321
EAN: 7891045029094
Tipo de Medicamento: Similar Intercambiável
Registro MS: 1211003360109
Classe Terapêutica: Coxibs
Princípio Ativo: Celecoxibe
Se persistirem os sintomas o médico deverá ser consultado. Dicoxibe é um medicamento. Seu uso pode trazer riscos. Procure o médico e o farmacêutico. Leia a bula
1