Frete Grátis acima de R$120,00 *
38 lojas físicas desde 1958
Até 3X sem juros no cartão
Enviamos para todo o Brasil
Compra segura 100% protegida
Cloridrato de Pioglitazona 30 Mg Com 30 Comprimidos - Genérico Nova Química
Cloridrato de Pioglitazona 30 Mg Com 30 Comprimidos - Genérico Nova Química

Cloridrato de Pioglitazona 30 Mg Com 30 Comprimidos - Genérico Nova Química

Código: 69843
|
Estoque: Indisponível
Ops!
Esse produto encontra-se indisponível.
Deixe seu e-mail que avisaremos quando chegar.
Calculando frete e prazo
Calcule o frete

Comprar Cloridrato de Pioglitazona 30 Mg Com 30 Comprimidos - Genérico Nova Química com melhor preço e entrega em todo o Brasil. Conheça todas as apresentações de Cloridrato de Pioglitazona

Frete Grátis
acima de R$120,00 (*)
38 Lojas Físicas
desde 1958
Até 3X sem juros
a partir de R$100,00
PRATA
Loja Prata E-bit
eleita pelos consumidores

Para que serve Cloridrato de Pioglitazona - Nova Química

O cloridrato de pioglitazona é um medicamento antidiabético indicado juntamente com dieta e exercícios físicos para melhorar o controle de glicemia (níveis de açúcar no sangue) em pacientes com diabetes mellitus tipo II (não insulino-dependente). Este é um tipo de diabetes que usualmente se desenvolve na vida adulta.

O cloridrato de pioglitazona pode ser utilizado sozinho ou em combinação com outros medicamentos para diabetes como sulfonilureias, metformina ou insulina, principalmente quando a dieta e os exercícios associados ao cloridrato de pioglitazona não resultarem no controle adequado da glicemia. O acompanhamento de diabetes tipo II deverá também incluir aconselhamento nutricional, redução de peso quando indicado e exercícios. Estas medidas são importantes não só para tratamento primário do diabetes tipo II, mas também para manter a eficácia do tratamento medicamentoso.

Como o Cloridrato de Pioglitazona - Nova Química funciona?


O cloridrato de pioglitazona ajuda a controlar o nível de açúcar do seu sangue quando você tiver diabetes tipo II, ajudando seu organismo a utilizar a insulina produzida da melhor maneira.

O cloridrato de pioglitazona pode ser usado em pacientes que não podem tomar metformina, ou quando o tratamento com dieta e exercícios falhou em controlar o açúcar no sangue e pode ser associado a outras terapias (como metformina, sulfonilureia ou insulina) que podem ter falhado em prover o controle adequado do açúcar no sangue.

Como Usar Cloridrato de Pioglitazona - Nova Química

A dose usualmente recomendada é de um comprimido de cloridrato de pioglitazona tomado uma vez por dia por via oral. Se necessário, seu médico poderá prescrever uma dose diferente.

As doses iniciais mais comuns recomendadas de cloridrato de pioglitazona são de 15mg ou 30mg e a faixa de dose aprovada é de 15 a 45mg. Seu médico indicará a dose que você deve tomar.

O cloridrato de pioglitazona com comida ou bebida: você pode tomar os comprimidos com ou sem comida. Você deve engolir os comprimidos com um copo de água.

Se você tem a impressão que o efeito de cloridrato de pioglitazona está muito fraco, informe seu médico.

Quando cloridrato de pioglitazona é usado em combinação com outros medicamentos utilizados para tratar diabetes (como insulina, clorpropamida, glibenclamida, glicazida, tolbutamida) seu médico informará se é necessário que você reduza a dose de seus medicamentos.

Seu médico pedirá a você para fazer exames de sangue periodicamente durante o tratamento com cloridrato de pioglitazona. Isso será feito para confirmar que seu fígado está funcionando normalmente.

Se você estiver seguindo uma dieta para diabéticos, você deve continuar com ela enquanto estiver tomando cloridrato de pioglitazona.

Seu peso deve ser avaliado em intervalos regulares; se seu peso aumentar, informe seu médico.

O cloridrato de pioglitazona deve ser usado todos os dias para funcionar adequadamente. Se você parar de usar cloridrato de pioglitazona, o açúcar de seu sangue pode subir. Converse com seu médico antes de interromper este tratamento.

Se você possui mais perguntas sobre o uso deste medicamento, converse com seu médico ou farmacêutico.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar o Cloridrato de Pioglitazona - Nova Química?


Tome cloridrato de pioglitazona diariamente como foi prescrito. Entretanto, se você esquecer de uma dose, você deve simplesmente tomar o próximo comprimido no horário usual. Não dobrar a próxima dose para repor o comprimido que esqueceu de tomar no horário certo.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico.

Contraindicação de Cloridrato de Pioglitazona - Nova Química

Não utilizar cloridrato de pioglitazona:

  • Se você apresenta hipersensibilidade (alergia) a pioglitazona ou a qualquer um dos componentes de cloridrato de pioglitazona;
  • Se você tem insuficiência cardíaca ou já teve no passado.

Precauções

Informe seu médico antes de você utilizar este medicamento:

  • Se você retiver líquidos (retenção de fluidos) ou tiver problemas de insuficiência cardíaca, especialmente se você tiver mais que 75 anos de idade. Se você toma medicamentos anti-inflamatórios que também podem causar retenção de fluidos e inchaço, você também deve informar seu médico;
  • Se você tem ou já teve câncer de bexiga;
  • Se você apresentar uma doença diabética específica dos olhos, chamada edema macular (inchaço namácula do olho - parte de trás do olho);
  • Se você possui cistos nos ovários (síndrome dos ovários policísticos). Pode haver um aumento da possibilidade de engravidar, porque você pode ovular novamente enquanto tomar cloridrato de pioglitazona. Se isso se aplica a você, use métodos contraceptivos adequados para evitar a possibilidade de uma gravidez não-planejada;
  • Se você apresentar uma doença em seu fígado ou coração. Antes de iniciar o tratamento com cloridrato de pioglitazona, uma amostra de seu sangue será retirada para avaliar sua função hepática. Esta avaliação pode se repetir periodicamente. Alguns pacientes com diabetes mellitus tipo II há muito tempo e doença do coração ou derrame prévio que foram tratados com cloridrato de pioglitazona e insulina apresentaram o desenvolvimento de insuficiência cardíaca. Informe seu médico assim que possível se você apresentar sinais de insuficiência cardíaca como perda de fôlego ou rápido aumento de peso ou inchaço localizado (edema);
  • Se você tiver diabetes tipo I, pois, a pioglitazona exerce seu efeito antidiabético somente na presença de alguma produção de insulina pelo corpo e por isso, não se recomenda seu uso no tratamento de pacientes com diabetes tipo I ou para tratamento de cetoacidose diabética;
  • Se você apresentar alterações dos níveis de hemoglobina do sangue (pigmento das células vermelhas do sangue), pois, pode ocorrer alguma pequena diminuição dos níveis de hemoglobina no sangue daqueles que utilizam pioglitazona.

Se você usa cloridrato de pioglitazona associado a outros medicamentos para diabetes, é mais provável que o nível de açúcar no sangue caia abaixo do nível normal (hipoglicemia).

Você também pode apresentar redução do volume de sangue (anemia).

Fratura dos ossos

Um número maior de fratura nos ossos foi verificado nos pacientes, especialmente mulheres, em tratamento com pioglitazona. Seu médico considerará isso quando estiver tratando seu diabetes.

Dirigir ou operar máquinas

O cloridrato de pioglitazona não irá afetar sua habilidade de dirigir ou utilizar máquinas, mas preste atenção se você apresentar visão anormal.

Informação importante sobre alguns excipientes de cloridrato de pioglitazona

Este medicamento contém lactose monoidratada. Se você foi informado pelo seu médico que possui intolerância a alguns açúcares, verifique com seu médico antes de tomar cloridrato de pioglitazona.

População Especial

Crianças

O uso em pacientes abaixo de 18 anos não é recomendado.

Gravidez e amamentação

Informe seu médico se você:

  • Está, acha que está ou planeja engravidar;
  • Está amamentando ou planeja amamentar seu bebê.

Seu médico informará se você deve descontinuar este medicamento.

Informar ao médico se está amamentando.

Composição

Cada comprimido de 15 mg contém

Cloridrato de pioglitazona*

16,534 mg

Excipientes**

1 comprimido

*Equivalente a 15 mg de pioglitazona.
**Lactose monoidratada, croscarmelose sódica, amidoglicolato de sódio, hiprolose, estearato de magnésio.

Cada comprimido de 30 mg contém

Cloridrato de pioglitazona*

33,069 mg

Excipientes**

1 comprimido

*Equivalente a 30 mg de pioglitazona.
**Lactose monoidratada, croscarmelose sódica, amidoglicolato de sódio, hiprolose, estearato de magnésio.

Cada comprimido de 45 mg contém

Cloridrato de pioglitazona*

49,603 mg

Excipientes**

1 comprimido

*Equivalente a 45 mg de pioglitazona.
**Lactose monoidratada, croscarmelose sódica, amidoglicolato de sódio, hiprolose, estearato de magnésio.

Apresentação do Cloridrato de Pioglitazona - Nova Química


Cloridrato de pioglitazona 15 mg, 30 mg e 45 mg

Frascos com 10, 15, 20, 30, 70*, 90* ou 120* comprimidos.

*Embalagem hospitalar.

Uso oral.

Superdosagem

Se você acidentalmente tomar mais comprimidos, ou se outra pessoa ou criança tomar seu medicamento, informe seu médico ou farmacêutico imediatamente. O nível de açúcar do seu sangue pode cair abaixo do nível normal e pode ser aumentado pela ingestão de açúcar. É recomendado que você tenha pacotes de açúcar, doces, biscoitos ou suco adoçado.

Ligue para 0800 722 6001 se você precisar de mais orientações.

Mais informações

Código do produto: 69843
Marca: NOVA QUIMICA GENERICO
EAN: 7895296098113
Tipo de Medicamento: Genérico
Registro MS: 1267501270115
Classe Terapêutica: Antidiabéticos Glitazonas Puros
Princípio Ativo: Cloridrato de Pioglitazona
Se persistirem os sintomas o médico deverá ser consultado. Cloridrato de Pioglitazona - Nova Química é um medicamento. Seu uso pode trazer riscos. Procure o médico e o farmacêutico. Leia a bula
Opiniões sobre o produto
Dê sua opinião sobre este produto
Escolha uma nota:
A sua avaliação passará por uma aprovação antes de ser publicada.
1